Publicidade
reduza95-z8.jpg
+55 19 99876-4100 | 19 3515-0261
comercial@itpindustrial.com.br
Nissan aposta em carros elétricos e postos de carregamentos movidos a energia solar

Nissan aposta em carros elétricos e postos de carregamentos movidos a energia solar


Criado: 30 Janeiro 2020 | Atualizado: 30 Janeiro 2020
Tamanho da fonte
pequena
normal
grande
Versão para impressão
imprimir
Baterias usadas do Nissan Leaf têm três dias de autonomia e podem ser recarregadas com sistemas fotovoltaicos

A Nissan está apostando todas as suas fichas na emissão zero, com a iniciativa Inteligent Mobility, focada em carros elétricos, que já aparece nas pistas da Fórmula E e deve chegar ao mundo, incluindo grandes cidades do Brasil, em menos de dez anos. A ideia do Nissan Inteligent Mobility é incentivar e integrar o uso de carros elétricos ao cotidiano das pessoas, aumentando também postos de carregamentos rápidos movidos a energia solar.

Primeiro, a montadora mostra a performance tecnológica do seu principal modelo elétrico, o Leaf, na Fórmula E, e depois investe na instalação de infraestrutura para carregamento e reaproveitamento de baterias, de forma a garantir uma continuidade sustentável. As baterias usadas do Nissan Leaf têm três dias de autonomia e podem ser abastecidas por sistemas fotovoltaicos em postes sustentáveis.

A iniciativa desenvolvida em parceria com universidades está sendo aplicada, também, como forma de estudar o uso constante das células por um período mais longo. Alguns destes postes sustentáveis estão, inclusive, no Brasil, instalados em Florianópolis (SC) em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina.

A ideia da concessionária é que os próprios postos de carregamento rápido de carros elétricos também utilizem esse tipo de energia renovável em vez de serem abastecidos por geradores a diesel ou outros métodos não renováveis.

“A tecnologia de captação solar é brilhante e, certamente, será grande aliada da eletrificação na busca pela preservação do meio ambiente”, afirma o vice-presidente de vendas e marketing para a América Latina da Nissan, Ricardo Flammini.

A Nissan reforça que a falta de informação é um dos principais empecilhos para o crescimento do mercado. Segundo Flammini, as baterias dos carros elétricos podem durar por dias em um trânsito usual das cidades, com o próprio dono do carro fazendo o carregamento da bateria em casa, a partir de uma instalação dedicada. As unidades de carregamento públicas, que seriam o equivalente aos postos de gasolina para a tecnologia, somente são necessárias em viagens longas.

“Santiago, no Chile, é um exemplo importante do que queremos levar para o restante da América Latina. Lá os carros elétricos já aparecem em meio ao trânsito”, explica Luis Alberto Pérez, diretor de marketing da Nissan para a região. A Nissan acaba de anunciar um investimento para criação de 1.500 pontos de recarga rápida, cobrindo o país com a infraestrutura necessária para o desenvolvimento da indústria.

Os brasileiros também estão no calendário dos oito novos veículos eletrificados que serão lançados pela montadora até 2023, incluindo um que será apresentado em novembro durante o Salão do Automóvel, em São Paulo (SP).


Fonte: portalsolar.com.br

Faça um orçamento!

Economize até 95% na sua conta de energia!

Cadastre-se!

Fique por dentro das principais novidades.


Avaliação

Deixe sua avaliação
Comentários
0
Deixe seu comentário

Comentários

Faça parte da notícia, deixe seu comentário, expresse sua opinião.
E-mail protegido, também não gostamos de SPAM
Sua mensagem foi enviada com sucesso!

WhatsApp